single.php

Blair visita o Brasil depois a Argentina

O primeiro-ministro da Grã-Bretanha, Tony Blair, iniciou no domingo pela Jamaica o seu giro pelo Caribe e América do Sul, no que será a primeira visita de um chefe de governo britânico ao Brasil e à Argentina.

Blair, que também vai ao México, desembarcou em Brasília na manhã desta segunda-feira; em seguida, ele vai a São Paulo e, depois, a Foz do Iguaçu, onde se reunirá com os presidentes Fernando Henrique Cardoso e Fernando de la Rúa, da Argentina.

O primeiro-ministro britânico vai atravessar a fronteira para se reunir também em solo argentino, por algumas poucas horas, com Fernando de la Rúa.

Depois de discutir com líderes jamaicanos os problemas que o país vem enfrentando com o tráfico de drogas, Tony Blair embarca para o Brasil, onde chegará acompanhado de um grupo de empresários britânicos.

Parceria comercial

Apesar de Grã-Bretanha e Argentina ainda não terem chegado a uma acordo definitivo em relação às ilhas Malvinas ou Falklands, a assessoria de Blair em Londres garantiu que, assim como no Brasil e no México, os assuntos que o primeiro-ministro vai discutir com o presidente argentino serão de caráter econômico.

Junto com Tony Blair estarão 13 empresários britânicos de diversos setores, entre eles, o petrolífero e o automobilístico.

Em São Paulo, além de se reunir com o governador, Geraldo Alckmin, e com a prefeita, Martha Suplicy, o primeiro-ministro vai se encontrar com empresários locais.

Blair também vai a São José dos Campos visitar a Embraer.