Lewis Hamilton vence o grande prêmio da Hungria

Lewis Hamilton venceu neste domingo o grande prêmio da Hungria

O britânico venceu a corrida apenas dois segundos a frente de Rosberg, que havia conseguido a pole position em Hungaroring

 

Por Redação, com Reuters – de Budapeste:

 

O três vezes campeão mundial Lewis Hamilton venceu neste domingo o grande prêmio da Hungria e passou à frente de seu companheiro de equipe, Nico Rosberg, no campeonato pela primeira vez este ano.

O britânico venceu a corrida apenas dois segundos a frente de Rosberg, que havia conseguido a pole position em Hungaroring, mas perdeu para Hamilton logo no início, em um momento chave da disputa.

Lewis Hamilton venceu neste domingo o grande prêmio da Hungria
Lewis Hamilton venceu neste domingo o grande prêmio da Hungria

Hamilton, que venceu na Hungria já cinco vezes, um número recorde, está seis pontos à frente de Rosberg, depois de 11 dos 21 grandes prêmios do campeonato de 2016, e venceu cinco das últimas seis corridas.

O australiano Daniel Ricciardo terminou em terceiro com sua Red Bull, com Sebastian Vettel em quarto, depois de reclamar que retardatários estavam atrapalhando suas ultrapassagens.

Max Verstappen terminou em quinto, segurando Kimmi Raikkonen na sexta posição. O finlandês começou a corrida na 14a posição.

Fernando Alonso foi o único sobrevivente da MacLaren, terminando em sétimo, enquanto seu colega de equipe, Jenson Button abandonou a corrida com problemas hidráulicos.

Os brasileiros Felipe Nasr e Felipe Massa terminaram em 17o. E 18o.lugar, respectivamente.

 

 

 

Rosberg faz a pole position para o GP da Hungria

O líder do campeonato mundial de Fórmula 1, Nico Rosberg, tirou do companheiro de Mercedes, Lewis Hamilton, a pole position

O tricampeão mundial Hamilton, que vai largar em segundo na corrida deste domingo, foi forçado a desacelerar sua última volta

 

Por Redação, com Reuters – de Budapeste:

 

O líder do campeonato mundial de Fórmula 1, Nico Rosberg, tirou do companheiro de Mercedes, Lewis Hamilton, a pole position para o Grande Prêmio da Hungria nos segundos finais do treino de classificação neste sábado.

O tricampeão mundial Hamilton, que vai largar em segundo na corrida deste domingo, foi forçado a desacelerar sua última volta depois de Fernando Alonso rodar e surgirem as bandeiras amarelas.

O líder do campeonato mundial de Fórmula 1, Nico Rosberg, tirou do companheiro de Mercedes, Lewis Hamilton, a pole position
O líder do campeonato mundial de Fórmula 1, Nico Rosberg, tirou do companheiro de Mercedes, Lewis Hamilton, a pole position

Depois de uma sessão que foi se alongando devido à chuva e vários acidentes, com quatro bandeiras vermelhas na primeira etapa, o australiano Daniel Ricciardo se classificou em terceiro lugar. Seu companheiro de Red Bull, Max Verstappen, vai largar em quarto.

 

Nico Rosberg renova contrato com a Mercedes

Piloto Nico Rosberg durante treino na Inglaterra

Rosberg trocou a Williams pela Mercedes também em 2010, ano no qual a montadora alemã retornou à modalidade com força total

Por Redação, com Reuters – de Budapeste:

 

O líder do campeonato de Fórmula 1, Nico Rosberg, assinou um novo contrato que irá mantê-lo na Mercedes ao lado de Lewis Hamilton até o final de temporada de 2018, comunicou a equipe nesta sexta-feira.

Piloto Nico Rosberg durante treino na Inglaterra
Piloto Nico Rosberg durante treino na Inglaterra

A Mercedes tuitou um vídeo do piloto de 31 anos, vice-campeão atrás do britânico Hamilton nos dois últimos anos, assinando o contrato para correr pela escuderia em 2017 e 2018.

– Um momento especial para mim, é claro, este momento assinando este pedaço de pape – disse Rosberg em um segundo vídeo publicado nas redes sociais pela Mercedes. “Estou animado com o futuro, claro”.

Não houve comentário imediato de Rosberg nesta sexta-feira, dia em que o alemão se preparava para a primeira sessão de treinos para o Grande Prêmio da Hungria de domingo.

– Temos o prazer de anunciar que a equipe de Fórmula 1 Mercedes AMG Petronas assinou uma renovação de contrato de dois anos com Nico Rosberg para as temporadas de Fórmula 1 de 2017 e 2018, disse a Mercedes em um comunicado.

– Nico é um membro essencial da Silver Arrows (apelido dos carros da Mercedes) desde que a equipe voltou ao esporte em 2010 e vem desempenhando um papel crucial no sucesso da equipe durante este tempo.

Rosberg trocou a Williams pela Mercedes também em 2010, ano no qual a montadora alemã retornou à modalidade com força total, e a ajudou a conquistar dois campeonatos de construtores com suas 19 vitórias, incluindo cinco este ano.

 

Lewis Hamilton vence GP da Grã-Bretanha

Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio da Grã-Bretanha

O tricampeão mundial de Fórmula 1 conseguiu a quarta vitória em casa largando desde a pole e a 47a vitória de sua carreira

Por Redação, com Reuters – de Londres:

 

Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio da Grã-Bretanha neste domingo pelo terceiro ano consecutivo, com o parceiro de equipe e rival ao título Nico Rosberg terminando em segundo.

O tricampeão mundial de Fórmula 1 conseguiu a quarta vitória em casa largando desde a pole e a 47a vitória de sua carreira. O resultado diminuiu a vantagem de Rosberg a quatro pontos após 10 das 21 corridas do campeonato.

Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio da Grã-Bretanha
Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio da Grã-Bretanha

Rosberg teve problemas com a caixa de câmbio quando restavam cinco voltas e cruzou a linha de chegada 6,9 segundos atrás de Hamilton, apesar de sua posição estar em dúvida uma vez que aparentemente a Mercedes violou as regras de comunicação por rádio ao informar o piloto que devia evitar a sétima marcha do carro.

O jovem holandês da Red Bull Max Verstappen ficou com a terceira posição, 1,3 segundo atrás de Rosberg.

 

Hamilton conquista a pole position para o GP da Inglaterra

O atual campeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton conquistou a pole position para o Grande Prêmio da Inglaterra

O britânico busca sua quarta vitória neste domingo, e o terceiro triunfo caseiro consecutivo, para diminuir a vantagem de Rosberg na liderança do campeonato, que está em 11 pontos

Por Redação, com Reuters – de Silverstone, Inglaterra:

 

O atual campeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton conquistou a pole position para o Grande Prêmio da Inglaterra, neste sábado, e o seu companheiro de Mercedes e rival Nico Rosberg largará ao lado na primeira fila.

O jovem holandês Max Verstappen e o companheiro de equipe dele Daniel Ricciardo, da Red Bull, ficaram com a segunda fila, com Kimi Raikkonen, da Ferrari, em quinto.

O atual campeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton conquistou a pole position para o Grande Prêmio da Inglaterra
O atual campeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton conquistou a pole position para o Grande Prêmio da Inglaterra

A pole de Hamilton – graças a uma última volta sensacional depois que seu primeiro esforço da fase final foi excluído por exceder limites da pista – foi a 55ª de sua carreira e a quarta em Silverstone.

O britânico busca sua quarta vitória neste domingo, e o terceiro triunfo caseiro consecutivo, para diminuir a vantagem de Rosberg na liderança do campeonato, que está em 11 pontos.

Felipe Massa, da Williams, vai largar em 12o lugar, enquanto o também brasileiro Felipe Nasr, da Sauber, ficou apenas em 21o.

 

Lewis Hamilton vence o Grande Prêmio do Canadá

O campeão mundial triplo britânico Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio do Canadá

Hamilton conquistou sua quinta pole position no Grande Prêmio do Canadá, no sábado, e aumentou a pressão sobre o líder do Mundial de Pilotos, seu companheiro de Mercedes, Nico Rosberg

 

Por Redação, com Reuters – de Montreal:

 

O campeão mundial triplo britânico Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio do Canadá pela quinta vez neste domingo e reduziu a liderança do companheiro de Mercedes Nico Rosberg para nove pontos.

Rosberg, vencedor das quatro corridas de abertura da temporada de Fórmula 1, terminou em quinto.

O campeão mundial triplo britânico Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio do Canadá
O campeão mundial triplo britânico Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio do Canadá

Sebastian Vettel, da Ferrari, ficou em segundo, com Valtteri Bottas, da Filândia, em terceiro pela Williams.

Rosberg agora tem 116 pontos ante os 107 de Hamilton após sete de 21 rodadas.

Pole position

Lewis Hamilton conquistou sua quinta pole position no Grande Prêmio do Canadá, no sábado, e aumentou a pressão sobre o líder do Mundial de Pilotos, seu companheiro de Mercedes, Nico Rosberg.

O alemão tem 24 pontos de vantagem, depois de serem realizadas seis das 21 corridas previstas.

O caso de amor de Hamilton com o circuito Gilles Villeneuve, onde conseguiu sua primeira pole position, em 2007, continuou no sábado, quando ele conseguiu o melhor tempo do treino classificatório, com 1min12s812, vencendo Rosberg por 0s062.

Duas semanas depois de vencer sua primeira corrida na temporada em Mônaco, com um pouco de sorte graças a um erro da Red Bull nos pit stops, Hamilton apresentou mais evidências de que sua campanha está de volta ao rumo certo, depois de um começo ruim de temporada.

O segundo lugar de Rosberg coloca-o na primeira fila pela 13ª vez seguida, com Sebastian Vettel, da Ferrari, sendo o terceiro mais rápido, 0s178 atrás de Hamilton.

O australiano Daniel Ricciardo classificou-se em quarto com seu Red Bull, e o seu companheiro de equipe de 18 anos, Max Verstappen foi o quinto. Kimi Raikkonen, da Ferrari, larga em sexto.

O finlandês Valteri Bottas, da Williams, largará em sétimo, à frente de seu companheiro de equipe, o brasileiro Felipe Massa. Outro brasileiro da categoria, Felipe Nasr, largará na 19ª posição.

 

 

Hamilton vence grande prêmio de Mônaco

O tricampeão mundial Lewis Hamilton comemorou sua primeira vitória da temporada de Fórmula 1 no grande prêmio de Mônaco

Com a sorte finalmente favorecendo o piloto da Mercedes após uma maré de azar, o companheiro de equipe e líder do campeonato, Nico Rosberg, terminou em sétimo

 

Por Redação, com Reuters – de Mônaco:

 

O tricampeão mundial Lewis Hamilton comemorou sua primeira vitória da temporada de Fórmula 1 no grande prêmio de Mônaco, neste domingo, marcado por muitos acidentes.

Com a sorte finalmente favorecendo o piloto da Mercedes após uma maré de azar, o companheiro de equipe e líder do campeonato, Nico Rosberg, terminou em sétimo, 93,2 segundos atrás, depois de ter sido instruído a deixar o britânico passar no início da corrida.

O tricampeão mundial Lewis Hamilton comemorou sua primeira vitória da temporada de Fórmula 1 no grande prêmio de Mônaco
O tricampeão mundial Lewis Hamilton comemorou sua primeira vitória da temporada de Fórmula 1 no grande prêmio de Mônaco

O australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, terminou em segundo lugar, com uma segunda parada nos boxes destruindo suas chances de ganhar a corrida, após largar na pole position pela primeira vez. O mexicano Sergio Perez foi o terceiro colocado para a Force India.

A vantagem de Rosberg sobre Hamilton caiu para 24 pontos, após seis de 21 rodadas.

A corrida foi iniciada com o safety car devido à chuva.

 

Max Verstappen vence GP da Espanha

O adolescente holandês Max Verstappen fez história na Formula 1 ao se tornar o piloto mais novo a vencer uma corrida neste domingo

Verstappen é também o piloto mais jovem a subir no pódio e o primeiro vencedor holandês desde início do campeonato, em 1950

 

Por Redação, com Reuters – de Barcelona:

 

O adolescente holandês Max Verstappen fez história na Formula 1 ao se tornar o piloto mais novo a vencer uma corrida neste domingo, em um sensacional Grande Prêmio da Espanha, que teve colisão entre Lewis Hamilton e Nico Rosberg, da Mercedes, que tirou ambos logo na primeira volta.

O adolescente holandês Max Verstappen fez história na Formula 1 ao se tornar o piloto mais novo a vencer uma corrida neste domingo
O adolescente holandês Max Verstappen fez história na Formula 1 ao se tornar o piloto mais novo a vencer uma corrida neste domingo

Verstappen, de apenas 18 anos que fez sua estreia uma semana após ter sido promovido da equipe júnior da Toro Rosso, chegou 0,616 segundos à frente de Kimi Raikkonen, 36 anos, o dobro de sua idade -, da Ferrari.

Verstappen é também o piloto mais jovem a subir no pódio e o primeiro vencedor holandês desde início do campeonato, em 1950.

Seu pai, Jos, que subiu duas vezes ao pódio como companheiro de equipe de Michael Schumacher em 1994, pela Benetton, e que disputou a corrida com Raikkonen mais tarde em sua carreira, estava orgulhoso e declarou ser o melhor dia de sua vida.

– Isto é realmente algo incrivelmente especial – disse ele a repórteres, enquanto outros diziam se tratar de um talento excepcional.

Sebastian Vettel, quatro vezes campeão mundial e, anteriormente, o vencedor mais jovem graças à sua surpreendente performance no Grande Prêmio italiano em 2008 pela Toro Rosso, aos 21 anos, chegou em terceiro pela Ferrari.

O sonho alemão Rosberg de uma oitava vitória consecutiva e a quinta da temporada desapareceu no cascalho logo na primeira volta, onde ele e o atual campeão Hamilton foram parar depois da disputa pela liderança.

Mas Verstappen reescreveu o script do que parecia uma corrida usual, ao mostrar um desempenho seguro para um jovem que não podia dirigir em estradas públicas até o ano passado, e cuja entrada precoce no esporte foi questionada por muitos.

– Eu estava mirando o pódio, mas ganhar de imediato é uma sensação incrível – disse Verstappen, que se classificou em quarto lugar com o companheiro australiano de equipe Daniel Ricciardo.

Ricciardo podia ter se juntado a ele no pódio, mas um pneu estourado acabou deixando-o em quarto.

Desempenho inacreditável

– Não me recordo de ver uma performance de estreia como essa – disse Christian Horner, chefe de equipe da Red Bull, ao lado do proprietário da marca de bebidas energéticas, o bilionário Dietrich Mateschitz.

– O garoto acabou de fazer um trabalho inacreditável. Max não fez nada errado em todo o fim de semana. Ganhar a corrida, eu acho que ninguém sequer sonhou com isso.

O tricampeão mundial Hamilton largou na pole position, com Rosberg ao lado, mas sua corrida acabou depois de três curvas.

O alemão ultrapassou Hamilton por fora da curva, jogando o britânico – que tentava recuperar a liderança,  para o gramado.

– Foi uma estupidez, podíamos ter vencido essa corrida – disse Niki Lauda, diretor não executivo da equipe da Mercedes, à agência britânica de notícias BBC. “Lewis é muito agressivo. Preciso conversar com eles e ouvir suas explicações e, a partir daí, veremos o que acontece.”

Toto Wolff, diretor de automobilismo da Mercedes, no entanto, se recusou a assumir parte da culpa.

– Do ponto de vista de equipe, olhamos para as imagens e os dados não são claros. Nico teve uma primeira e segunda curvas boas, Lewis tentou entrar e Nico fechou a porta.

– Vamos esperar e ver o que os organizadores dirão. Não é uma situação onde você pode atribuir 100 por cento da culpa.

A colisão acabou com as esperanças da Mercedes em vencer 11 corridas, se igualando ao recorde da McLaren de 1988.

O finlandês Valtteri Bottas chegou em quinto pela Williams, e o espanhol Carlos Sainz em sexto lugar para a Toro Rosso. O mexicano Sergio Perez ocupou o sétimo lugar, e o brasileiro Felipe Massa o oitavo, pela Williams.

Jenson Button, da Grã-Bretanha, ocupou a nona posição pela McLaren, e o russo Daniil Kvyat, o homem que teve de ceder o seu lugar na Red Bull para Verstappen, em décimo pela Toro Rosso.

 

 

 

 

Batida de Hamilton e Rosberg causa polêmica na Mercedes

Lewis Hamilton e Nico Rosberg

A dupla retornou ao paddock e se reuniu para uma conversa com os chefes de equipe da Mercedes, com o chefe de automobilismo Toto Wolff em seus calcanhares

 

Por Redação, com Reuters – de Barcelona:

 

A esperança do líder da Fórmula 1, Nico Rosberg, de conquistar a oitava vitória consecutiva acabou no domingo, após uma colisão com o companheiro de equipe Mercedes Lewis Hamilton, na primeira volta do Grande Prêmio da Espanha.

Lewis Hamilton e Nico Rosberg
Lewis Hamilton e Nico Rosberg

O britânico tricampeão mundial Hamilton largou na pole position, com Rosberg ao lado na primeira fila, no Circuito da Catalunha.

O alemão, que buscava a quinta vitória consecutiva na temporada, passou Hamilton por fora na curva e o britânico o espremeu para a grama, enquanto tentava recuperar a liderança na terceira curva.

O carro de Hamilton inclinou e bateu no de Rosberg, com os dois pilotos terminando no cascalho.

A dupla retornou ao paddock e se reuniu para uma conversa com os chefes de equipe da Mercedes, com o chefe de automobilismo Toto Wolff em seus calcanhares. Os pilotos também foram convocados para falar com os comissários após a corrida.

O dirigente da equipe Niki Lauda, tricampeão do mundo, culpou Hamilton antes de conversar com os pilotos.

– É estúpido, poderíamos ter vencido esta corrida – disse o austríaco à agência britânica de notícias BBC. “Lewis é muito agressivo. Eu preciso falar com eles e ouvir sua explicação e depois vamos ver o que acontece.”

Wolff foi mais cauteloso do que o seu compatriota. “Niki tem a opinião de um piloto e que é justa. Como piloto você vê em preto e branco”, afirmou.

– Do ponto de vista de uma equipe, nós olhamos as imagens e os dados e isso não é claro. Nico teve uma boa primeira e segunda curvas, Lewis tentou mergulhar, Nico fechou a porta. Eu diria que vamos esperar e ver o que os comissários dizem. Não é uma situação em que você pode atribuir 100 por cento da culpa.

Rosberg ainda tem uma vantagem confortável no campeonato, com 43 pontos de vantagem sobre o rival mais próximo Hamilton antes da corrida de domingo.

 

Espanha: Hamilton faz a pole e deixa Rosberg em segundo para GP

O tricampeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton

Após o treino deste sábado, a Mercedes tem agora 11 poles consecutivas. Rosberg busca sua oitava vitória seguida

 

Por Redação, com Reuters – de Barcelona:

 

O tricampeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton derrotou seu companheiro de equipe Nico Rosberg e fez a pole position no Grande Prêmio da Espanha, neste sábado, em uma primeira fila dominada pela Mercedes.

O tricampeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton
O tricampeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton

A Red Bull ficou com a segunda fila, com o australiano Daniel Ricciardo em terceiro e o jovem holandês Max Verstappen num impressionante quarto lugar em seu fim de semana de estreia com a equipe, depois de sair da Toro Rosso.

Os pilotos da Ferrari Kimi Raikkonen e Sebastian Vettel se classificaram nos decepcionantes quinto e sexto lugares, respectivamente.

Os brasileiros foram mal na sessão. Felipe Massa, da Williams, largará da 18a posição, enquanto Felipe Nasr, da Sauber, sairá da 20a.

Após o treino deste sábado, a Mercedes tem agora 11 poles consecutivas. Rosberg busca sua oitava vitória seguida no domingo e espera se tornar apenas o terceiro piloto a vencer as cinco primeiras corridas da temporada. O alemão tem 43 pontos à frente de Hamilton.