Polícia faz operação contra ocupação de conjunto do Minha Casa, Minha Vida

O objetivo é identificar os supostos invasores para subsidiar futuras ações de reintegração de posse pela Caixa Econômica Federal

Por Redação, com ABr – do Rio de Janeiro:

Policiais civis fizeram nesta quinta-feira uma operação contra a ocupação ilegal de imóveis do conjunto habitacional Residencial Guadalupe, do Programa Minha Casa, Minha Vida, no subúrbio da cidade do Rio de Janeiro. A Polícia Civil investiga a invasão das unidades habitacionais por pessoas envolvidas com tráfico de drogas e roubo de cargas.

O objetivo é identificar os supostos invasores para subsidiar futuras ações de reintegração de posse
O objetivo é identificar os supostos invasores para subsidiar futuras ações de reintegração de posse

A Delegacia de Ricardo de Albuquerque (31ª DP) cumpre 89 mandados de busca e apreensão. Com o apoio de 400 policiais de várias delegacias.

O objetivo é identificar os supostos invasores para subsidiar futuras ações de reintegração de posse pela Caixa Econômica Federal. Além da ação no conjunto habitacional, policiais fazem uma operação na comunidade do Chapadão, para recuperar cargas roubadas.

Pedido de habeas corpus

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2) negou, na quarta-feira, o pedido dehabeas corpus solicitado pela defesa do empresário Eike Batista. O pedido foi negado pela maioria dos desembargadores da 1ª Turma do tribunal.

Votaram contra o pedido os desembargadores Abel Gomes e Paulo Espírito Santo, presidente da turma. O desembargador Ivan Athié votou a favor da liberdade para Eike.

O advogado do empresário, Fernando Martins, informou que vai recorrer da decisão no Superior Tribunal de Justiça.

Uma das razões citadas pelos desembargadores para negar o habeas corpus é a viagem de Eike aos Estados Unidos pouco antes da decretação de sua prisão, o que poderia representar tentativa de fuga.

O empresário foi preso por agentes da Polícia Federal no dia 30 de janeiro, na  34ª fase da Operação Lava Jato, após desembarcar no Aeroporto Internacional  do Galeão, no Rio de Janeiro, procedente de Nova York. Eike está preso no Complexo de  Gericinó, zona oeste do Rio de janeiro.

Proprietário do grupo EBX,  Eike é suspeito de lavagem de dinheiro em um esquema de corrupção que atinge o ex-governador do Rio Sérgio Cabral, que também está preso.

Justiça impede desconto de empréstimo de servidor com salário atrasado

A liminar ainda estabelece a exclusão dos nomes dos servidores inscritos nos cadastros de devedores, em função da aplicação da cláusula que permite a cobrança direta

Por Redação, com ABr – do Rio de Janeiro:

Liminar concedida pela Justiça do Rio de Janeiro impede 26 bancos de descontar os valores referentes a empréstimos consignados diretamente das contas de servidores públicos que estejam com os salários atrasados. A decisão do dia anterior, da juíza Maria Christina Berardo Rucker, da 2ª Vara Empresarial, vale para todo o Brasil.

A decisão atende a pedido da Defensoria Pública do Rio de Janeiro e do Ministério Público do Estado
A decisão atende a pedido da Defensoria Pública do Rio de Janeiro e do Ministério Público do Estado

A liminar ainda estabelece a exclusão dos nomes dos servidores inscritos nos cadastros de devedores. Em função da aplicação da cláusula que permite a cobrança direta. As instituições financeiras também ficam proibidas de fazer novas negativações por esse motivo.

Segundo a magistrada, se o Estado atrasa os salários dos servidores. É evidente que o atraso no desconto do valor consignado é de responsabilidade do Estado e não do servidor. A magistrada estabeleceu ainda multa de R$ 10 mil aos bancos, para cada infração cometida.

Decisão

A decisão atende a pedido da Defensoria Pública do Rio de Janeiro e do Ministério Público do Estado, que entraram com ação conjunta após denúncias de servidores que tiveram a parcela de empréstimos consignados descontada duas vezes – a primeira no contracheque, pelo estado, que é o responsável pelo repasse do valor ao banco, e a segunda, diretamente da conta corrente do servidor, pela instituição financeira.

Por se tratar de uma liminar, a decisão tem efeito imediato, mas os bancos ainda podem recorrer.

Chefe da Samsung nega todas as acusações em julgamento na Coreia do Sul

Lee foi acusado de suborno, apropriação indébita e outros delitos em um escândalo de corrupção que já levou o Parlamento a aprovar o afastamento da presidente sul-coreana, Park Geun-hye

Por Redação, com Reuters – de Seul:

O chefe do Grupo Samsung, Jay Y. Lee, nega todas as acusações apresentadas contra ele, disse seu advogado, nesta quinta-feira, no início do que o procurador especial da Coreia do Sul disse que pode ser o “julgamento do século” em meio a um escândalo político que abalou a nação.

Chefe do Grupo Samsung, Jay Y. Lee, em Seul
Chefe do Grupo Samsung, Jay Y. Lee, em Seul

Lee foi acusado de suborno, apropriação indébita e outros delitos em um escândalo de corrupção que já levou o Parlamento a aprovar o afastamento da presidente sul-coreana, Park Geun-hye.

O executivo, que está detido no Centro de Detenção de Seul, não compareceu ao tribunal. Os réus não precisam estar presentes durante audiências preparatórias. Realizadas para se organizar os indícios e determinar datas para os pronunciamentos de testemunhas.

A data da próxima audiência será decidida na semana que vem.

A defesa de Lee negou todas as acusações em seu nome, dizendo que o indiciamento da procuradoria especial cita conversas. Indícios ou testemunhas que na verdade não ouviu. Investigou ou entrevistou de acordo com as regras. Ou que emitem opiniões que não são fatos.

– Não está claro que tipo de ordem Lee Jae-yong supostamente deu – argumentou Song Wu-cheol, da defesa de Lee, ao tribunal, usando o nome coreano de seu cliente.

– O indiciamento não pode ter declarações que possam criar preconceitos sobre o caso na corte – disse Song aos repórteres ao deixar o local.

O Grupo Samsung vem negando reiteradamente ter cometido qualquer irregularidade.  

Entre as acusações contra Lee, de 48 anos. Está a de prometer propinas a uma empresa e a organizações ligadas a uma amiga da presidente Park, Choi Soon-sil. A personagem que está no cerne do escândalo, para consolidar seu controle sobre o conglomerado sul-coreano, que fabrica de smartphones a produtos biofarmacêuticos.

Acusações

Os advogados dos réus sendo julgados com Lee –o ex-vice-presidente do conselho do Grupo Samsung Choi Gee-sung. O ex-presidente do Grupo Samsung Chang Choong-ki e o ex-presidente da Samsung Electronics Park Sang-jin– também negaram as acusações.

A legislação responsável pela indicação do procurador especial determina que o atual julgamento em instância inferior deve terminar dentro de três meses a partir do indiciamento de 28 de fevereiro.

– Estamos nos preparando muito, pensando que o julgamento iminente da Samsung. Pode ser o julgamento do século, que o mundo inteiro estará assistindo – disse o procurador especial, Park Young-soo, aos repórteres nesta semana.

França: Macron consolida vantagem sobre Le Pen em pesquisa

Foi a segunda pesquisa no intervalo de uma semana que colocou o político de 39 anos à frente de Le Pen já no primeiro turno

Por Redação, com Reuters – de Paris:

O favoritismo de Emmanuel Macron para a eleição presidencial da França se fortaleceu com uma pesquisa de intenção de voto divulgada nesta quinta-feira que mostra o candidato de centro derrotando a líder de extrema-direita Marine Le Pen tanto no primeiro quanto no segundo turno da disputa.

Emmanuel Macron
Emmanuel Macron

Na sondagem da empresa Harris Interactive, Macron aparece vencendo a votação de 23 de abril com 26 % dos votos e Le Pen chegando em segundo com 25 %. O que colocaria os dois na decisão de 7 de maio. Na qual ele a derrotaria facilmente ficando com 65 % das urnas.

Foi a segunda pesquisa no intervalo de uma semana que colocou o político de 39 anos à frente de Le Pen já no primeiro turno. Sinal de que o ex-ministro da Economia centrista pode estar consolidando sua posição a 45 dias da etapa inicial.

Mas a corrida continua difícil de prever devido a uma série de surpresas. Como a decisão do atual presidente francês, o socialista François Hollande, de não concorrer à reeleição. E vitórias surpreendentes de pré-candidatos que os institutos de pesquisa haviam descartado nas primárias partidárias.

Favorito

Além disso, escândalos financeiros envolveram Le Pen e o conservador François Fillon. Que após um êxito inesperado na primária do partido Os Republicanos ainda em janeiro havia se tornado o favorito a conquistar a presidência.

Na enquete mais recente. Fillon, que está lutando para relançar uma campanha abalada. Por uma investigação judicial de alegações de que ele teria pago sua esposa regiamente por um trabalho de assistência parlamentar que ela pouco exerceu. Apareceu em terceiro lugar no primeiro turno, com 20 por cento dos votos.

Isso eliminaria o outrora líder da disputa, mas caso recupere o terreno nas próximas semanas. E garanta uma vaga no segundo turno enfrentando Le Pen. O ex-primeiro-ministro de 63 anos também a venceria por 59 %.

Nas duas simulações do 7 de maio, a margem de derrota de Le Pen é maior do que em algumas pesquisas recentes.

O chefe de campanha da política de direita, David Rachline. Minimizou o levantamento desta quinta-feira, dizendo em referência ao primeiro turno: “A realidade neste momento é que Marine (Le Pen) está na frente em quase todas as pesquisas”.

Embora as cifras de Le Pen não tenham mudado em relação à última sondagem da Harris uma quinzena atrás. Macron cresceu seis pontos percentuais. A sondagem mais recente da Harris entrevistou 4.932 pessoas entre os dias 6 e 8 de março.

Lava Jato e sua fantástica ‘recuperação’ de recursos

Contribuindo, não se sabe se conscientemente ou não, para dar uma “levantada na bola” da operação, e enganar e manipular a população, parte da mídia comemora, no alto de suas páginas, a suposta “recuperação” – que poderá levar cerca de 25 anos, prazo que algumas empreiteiras terão para “pagar” as penalidades – de mais de 11 bilhões de reais, pela Lava-Jato

 

Por Mauro Santayana – de Brasília:

Como se bilhões em dinheiro “roubado” dos cofres públicos estivessem voltando, vitoriosamente, para os cofres do erário.

E os prejuízos econômicos causados por essa operação, em empregos, quebra de acionistas e fornecedores e projetos sucateados e interrompidos, não fossem muitíssimo maiores do que a quantia publicada nas manchetes em letras garrafais.

Marcelo Odebrecht
Marcelo Odebrecht

Pura conversa.

Primeiro, porque esse dinheiro não foi “recuperado”, já que ainda não foi totalmente pago.

E em segundo lugar, porque não se recupera o que não se tinha antes.

Nem esses recursos foram desviados para contas secretas na Suíça, nem se comprovou, até agora. Inequivocamente, com base em provas factuais, que houve desvios ou superfaturamento nesse fantástico montante.

Mais de 90% dessa soma, certa imprensa ainda fez o favor. Não se sabe se também propositalmente, de misturar alhos com bugalhos colocando no mesmo saco dinheiro apreendido e recursos derivados de acordos de leniência. Será “arrecadado” por meio de multas punitivas, impostas às empresas como parte da estratégia que exige que elas reconheçam publicamente, em amplo e contrito “mea culpa”. Os seus “erros” e pecados cometidos contra nossos “homens de bem” e nossa nunca hipócrita ou dissoluta sociedade.

Tudo como na época da Santa Inquisição. Ou dos processos stalinistas, com os “culpados” tendo que corroborar, nesse meio tempo. A tese do MP que transformou automática e retroativamente doações legais ou de Caixa 2. Tanto faz umas como as outras, realizadas desde 2002, em “propina”, além de concordar em pagar também, à vista ou a prazo, bilhões de reais para não ter que fechar, quase que obrigatoriamente, suas portas.

Quem explicou isso muito bem, para quem sabe ler nas entrelinhas, foi o advogado do Sr. Marcelo Odebrecht, Theodomiro Dias Neto, que deu a entender que seu cliente, contra sua vontade, teve que se dobrar às exigências e ao discurso do Ministério Público, sob pena de sua empresa acabar definitivamente:

Acordo

“Um acordo de colaboração premiada – afirmou o advogado – não é um acordo de pessoas, de partes em posições simétricas. Há uma relação de total assimetria de poder nessa relação. O acordo de colaboração premiada é um acordo de rendição, em que uma parte está se rendendo à outra.

O que é importante, é fundamental e um desafio para você fazer um acordo é que no caso de uma empresa ninguém faz um acordo para morrer(ou você faz o acordo ou “morre”, diríamos nós). Você faz um acordo para sobreviver”.

Marcelo Odebrecht

Esclarecendo, em entrevista ao portal UOL – já que para bom entendedor um pingo é letra – as verdadeiras condições em que Marcelo Odebrecht, depois de quase dois anos detido sem flagrante – fechou, “voluntariamente”, o “acordo” que ainda deve mantê-lo preso, “exemplarmente”, em regime fechado, até o final de 2017, enquanto outros “delatores”, especialmente aqueles apanhados com dinheiro de corrupção em suas contas, estão curtindo, há tempos, um uísquinho, nos confortáveis sofás de suas salas.

Resta saber, agora, até onde irão as consequências políticas e a extensão e profundidade da “rendição”, ou melhor, da “colaboração”, do senhor Marcelo Odebrecht à Lava Jato e ao Ministério Público, tanto no caso de Dilma e do PMDB, como no do PSDB, considerando-se não apenas as afirmações feitas até agora pelo ex-executivo do grupo, mas também a dos numerosos, mais de 70, “delatores” “premiados” da empresa, que acompanharam a “decisão” tomada por seu ex-chefe.

Mauro Santayana, é jornalista.

Patrícia estica as férias e estreia do ‘Show do Milhão’ é transferida

Patrícia Abravanel, escolhida para apresentar o programa, estendeu suas férias nos Estados Unidos e só retornará ao Brasil no fim de semana

Por Flávio Ricco – do Rio de Janeiro:

O lançamento do Show do Milhão, inicialmente anunciado para este sábado, foi cancelado.

Patrícia Abravanel, escolhida para apresentar o programa, estendeu suas férias nos Estados Unidos e só retornará ao Brasil no fim de semana.

Patrícia Abravanel, escolhida para apresentar o programa, estendeu suas férias nos Estados Unidos
Patrícia Abravanel, escolhida para apresentar o programa, estendeu suas férias nos Estados Unidos

As chamadas que estavam no ar, informando a estreia para o próximo sábado, 11, foram alteradas pelo “vem aí”, porque só na semana que vem, depois da gravação dos pilotos, deverá surgir uma outra data, aí sim definitiva.

O cenário será aquele mesmo de 15 anos atrás, com alguns ajustes considerados necessários, depois da realização do pré-light neste começo de semana.

O novo Show do Milhão, inicialmente recebendo crianças como participantes, será levado ao ar nas noites de sábado, a partir das 22h45.

Vai começar

Oscar, o Mão Santa, começa a gravar nesta quinta-feira piloto de um programa semanal para o Fox Sports.

A novidade deverá fazer parte da nova programação do canal esportivo.   

A propósito

Internamente, na Fox, as contratações de Luiz Ernesto Lacombe e Bruno Laurence já são dadas como certas.

O anúncio oficial poderá sair ainda no decorrer desta semana, mais tardar, início da próxima.

Tem data

A Globo marcou para 17 de abril, uma segunda-feira, a estreia de Os Dias Eram Assim – anunciada como supersérie, para a faixa das 23h.

Produção de época, é uma história de amor passada no período pós conquista da Copa do Mundo de 1970, com Sophie Charlotte, Daniel de Oliveira e Renato Góes.

Coisa interna

A Globo promove dia 16, a partir das 14h30, no Projac, uma espécie de “Vem aí”, com a presença dos seus principais executivos, diretores artísticos, apresentadores, autores, atores e diretores.

Já estão todos convocados.

Razão disso

Durante este encontro, marcado para acontecer em um dos estúdios, Carlos Henrique Schroder, Silvio de Abreu, Guel Arraes, Ricardo Waddington e Boninho vão comentar os resultados de 2016 e os planos para 2018.

Como no ano passado, o evento promete ser muito concorrido.

Erguida

No Projac, a Globo finalizou os trabalhos de construção da cidade cenográfica de Malhação – Viva a diferença.

As primeiras gravações no local devem acontecer já na próxima semana.

Fim de linha

O fim da Bradesco Esportes está confirmado para este próximo domingo.

No Rio, ela só não desapareceu ainda, porque está retransmitindo São Paulo. Alguns dos seus contratados serão transferidos para a rádio Bandeirantes.

Diante disso

José Luiz Datena, que fazia um horário na Bradesco Esportes, Rio e São Paulo, a partir da próxima semana passará a apresentar seu programa na rádio Bandeirantes.

O horário é que mudou. Antes seria às 2 da tarde, mas agora será das 10h às 11h30.

Nova homenagem

O Viva estreia em abril, mês que Chico Anysio completaria 86 anos, o programa Estados Anysios de Chico City.

Exibido originalmente em 1991 pela Globo, o humorístico reúne personagens de destaque da carreira do artista, como o político Justo Veríssimo, o galã caricato Alberto Roberto, o vampiro Bento Carneiro e o pai de santo Painho, entre outros. É mais uma merecida homenagem ao artista.

Ele merece

Em maio, no município de Trindade, em Goiás, começará a ser construído um Centro Cultural que levará o nome do cinegrafista Ari Ferreira de Araújo Júnior, morto no voo da Chapecoense em novembro do ano passado. Ari foi um craque. 

Bate – Rebate

·       O ofício da Acadêmicos do Tatuapé convidando Silvio Santos para ser o homenageado no carnaval do ano que vem, chegou na manhã de ontem no SBT…

·       … A torcida é grande dentro da emissora para que ele aceite.

·       Giovanna Antonelli integrou o time de dublagem do filme infantil O Poderoso Chefinho

·       … Deve chegar aos cinemas no fim do mês.  

·       O jornalista Fernando Guedes foi contratado pela Fundac para dirigir a TV Justiça que funciona dentro do STF em Brasília.

·       Na Globo existe a expectativa de A Força do Querer estrear com os seus 10 primeiros capítulos fechados…

·       … Uma folga das mais interessantes.

·       Globo se juntou à Band e Esporte Interativo nas transmissões da Liga dos Campeões…

·       … Começou ontem com Barcelona contra PSG e agora vai até o fim.

·       Nesta sexta-feira, o Globo Repórter volta ao ar com edições inéditas…

·       … E direito a uma reportagem da Bette Luchese, na primeira viagem do programa ao Líbano.

C´est fini

Profissionais poderão se cadastrar e inscrever propostas de filmes, séries e programas no site da produtora Academia de Filmes. A cada três meses, um júri formado pelo produtor Paulo Roberto Schmidt, pela produtora-executiva Maria Clara Fernandez, e pela gerente de negócios Juliana Bauer se reunirá para avaliar os trabalhos inscritos.

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Colaboração de José Carlos Nery

 

Theo Walcott pede união no Arsenal durante momento de crise

Sánchez, de 28 anos, foi afastado depois de supostamente abandonar uma sessão de treino e ser confrontado pelos colegas Laurent Koscielny e Aaron Ramsey

Por Redação, com Reuters – de Londres:

O meia-atacante Theo Walcott, do Arsenal, conclamou seu companheiros de equipe a pararem de brigar entre si depois que o time foi eliminado nas oitavas de final da Liga dos Campões pela sétima temporada consecutiva com um placar agregado constrangedor de 10 a 2 para o Bayern de Munique.

O meia-atacante Theo Walcott, do Arsenal
O meia-atacante Theo Walcott, do Arsenal

O ponta chileno Alexis Sánchez, que segundo a mídia britânica teve uma série de desavenças com o técnico Arsène Wenger. Foi colocado no banco na derrota de 3 a 1 para o Liverpool, no sábado, no Campeonato Inglês.

Sánchez, de 28 anos, foi afastado depois de supostamente abandonar uma sessão de treino e ser confrontado pelos colegas Laurent Koscielny e Aaron Ramsey.

Wenger tem dito que os relatos sobre um incidente no campo de treinamento são falsos. Mas Robert Pires, ex jogador do Arsenal que treina com o time principal. Disse que Sánchez se retirou depois de uma dividida dura.

– Há certas coisas que acontecem nos campos de treinamento. Você não as vê com frequência no Arsenal – disse Walcott, de acordo com reportagens da mídia britânica nesta quarta-feira. “Aconteceram coisas.  Elas têm que ficar no vestiário. Os jogadores e a equipe têm que resolver. Estamos nisto juntos. Não podemos brigar uns com os outros”.

– Realmente não quero entrar na questão. Mas o negócio que aconteceu não afetou nosso primeiro tempo aqui (em casa diante do Bayern de Munique).

Bayern de Munique

O Bayern de Munique conseguiu uma segunda vitória consecutiva por 5 a 1. Sobre o Arsenal para avançar às quartas de final da Liga dos Campeões com 10 a 2 na soma dos dois jogos, na terça-feira, no Emirates Stadium.

Buscando ser o primeiro time da história da Liga dos Campeões a superar essa desvantagem. O Arsenal venceu o primeiro tempo com gol de Theo Walcott.

Mas depois que Robert Lewandowski empatou em cobrança de pênalti e o capitão do Arsenal Laurent Koscielny foi expulso.. Os líderes do Campeonato Alemão se animaram contra os desanimados anfitriões.

Robben aproveitou um erro defensivo aos 23 minutos, antes de Douglas Costa. Que iniciou no banco de reservas, marcasse o terceiro. O que levou parte da torcida do Arsenal a deixar o estádio.

Arturo Vidal ainda marcou duas vezes, e o Arsenal foi eliminado pela sétima vez consecutiva nas oitavas de final, de forma humilhante.

Real Madrid

Sergio Ramos fez de cabeça o gol de empate e participou de um gol contra para ajudar o Real Madrid a vencer o Napoli por 3 a 1 nesta terça-feira, que levou o atual campeão às quartas de final da Liga dos Campeões, depois de um primeiro tempo nervoso.

O time italiano, que perdeu também por 3 a 1 o jogo de ida das oitavas de final, parecia capaz de superar o resultado ao dominar o primeiro tempo e abrir o placar com Dries Mertens aos 24 minutos.

Mas as esperanças do Napoli de uma primeira aparição nas quartas de final terminaram quando o zagueiro Ramos, que tem o hábito de resgatar sua equipe, marcou de cabeça aos 6 minutos do segundo tempo.

Ele repetiu a jogada seis minutos mais tarde, embora a bola tenha desviado em Mertens – a Uefa registrou gol contra do belga.

Alvaro Morata marcou mais um gol para o Real nos acréscimos, completando um placar agregado de 6 a 2, que levou o time espanhol para as quartas de final da Liga dos Campeões pela sétima vez consecutiva.

Mulheres ao redor do mundo preferem trabalhar a ficar em casa

A pesquisa ouviu quase 149 mil pessoas em 142 países e territórios, incluindo o Brasil, e representa mais de 99% da população adulta global

Por Redação, com ABr – de Brasília:

Relatório divulgado nesta quarta-feira pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) e pela empresa de pesquisa de opinião Gallup indica que 70% das mulheres e 66% dos homens no mundo entendem que as mulheres devem ter trabalhos remunerados. No Brasil, o índice é de 72% das mulheres e 66% dos homens.

Estátua de menina 'encarando' touro celebra Dia da Mulher em Wall Street
Estátua de menina ‘encarando’ touro celebra Dia da Mulher em Wall Street

O documento Rumo a um futuro melhor para mulheres e trabalho: vozes de mulheres e homens. Fornece um relato inédito sobre atitudes e percepções globais sobre o tema das mulheres no mundo do trabalho. A pesquisa ouviu quase 149 mil pessoas em 142 países e territórios. Incluindo o Brasil, e representa mais de 99% da população adulta global.

Os resultados mostram que mulheres em todo o mundo preferem ter trabalhos remunerados (29%).  Ou estar em situações em que poderiam trabalhar e também cuidar de suas famílias (41%). De acordo com o relatório, apenas 27% das mulheres no mundo querem ficar em casa, exercendo um trabalho não remunerado.

Ainda segundo a pesquisa, o índice de 70% de mulheres no mundo que gostariam de ter trabalhos remunerados. Inclui a maioria das mulheres que não está no mercado de trabalho. Os dados valem para quase todas as regiões do planeta. Incluindo aquelas onde a participação das mulheres na força de trabalho é tradicionalmente baixa, como Estados e territórios árabes.

Opiniões convergem

O relatório aponta que 28% dos homens gostaria que as mulheres de suas famílias tivessem trabalhos remunerados. Enquanto 29% gostariam que elas ficassem apenas em casa e 38% prefeririam que elas pudessem fazer as duas coisas.

Mulheres que trabalham em tempo integral para um empregador (mais de 30 horas por semana). São mais inclinadas a preferir situações nas quais pudessem equilibrar o trabalho e as obrigações da família e da casa. Mulheres e homens com níveis mais elevados de educação também são mais propensos a preferir que as mulheres tenham trabalhos remunerados e cuidem de suas casas e famílias.

– Esta pesquisa mostra claramente que a maioria das mulheres e dos homens em todo o mundo. Prefere que as mulheres tenham trabalhos remunerados. Políticas de apoio às famílias, que permitam que as mulheres permaneçam e progridam no trabalho remunerado. E incentivem os homens a assumir a sua parte justa do trabalho de cuidados da família e da casa. São cruciais para alcançar a igualdade de gênero no trabalho – disse o diretor-geral da OIT, Guy Ryder.

Além de investigar as preferências das pessoas sobre mulheres e trabalho. A pesquisa revelou que as mulheres são mais propensas do que os homens. A considerar trabalhos remunerados perfeitamente aceitáveis (83%). Enquanto os homens ficam um pouco atrás (77%). Os números são mais altos no Brasil, com 96% das mulheres e 94% dos homens considerando o trabalho remunerado perfeitamente aceitável para as mulheres de suas famílias.

Equilíbrio trabalho-família

Conciliar o trabalho com o cuidado das famílias, no entanto, representa um desafio significativo para as mulheres que trabalham em todo o mundo. Tanto homens quanto mulheres da maioria dos países e territórios pesquisados. Mencionam o equilíbrio entre trabalho e família como um dos maiores problemas enfrentados pelas mulheres que têm trabalhos remunerados.

Outras questões como tratamento injusto, abuso, assédio no local de trabalho, falta de trabalhos bem remunerados. E desigualdade salarial também aparecem entre os principais problemas citados em várias regiões do mundo.

Os dados também revelam que mulheres entre 15 e 29 anos são mais propensas do que as mulheres mais velhas a mencionar tratamento injusto, abuso ou assédio no trabalho. Já as mulheres entre 30 e 44 anos são mais propensas do que as de outras faixas etárias a mencionar a falta de acesso a cuidados para seus filhos e famílias. À medida que as mulheres envelhecem, elas se tornam mais propensas a mencionar os salários desiguais em relação aos homens.

Renda e emprego

Em todo o mundo, a maioria das mulheres que trabalha diz que o que ganha é uma fonte significativa (30%). Ou a principal fonte (26%) de renda da família. Os homens ainda são mais propensos que as mulheres a se declararem como principais provedores: 48% dos homens que trabalham dizem que seus rendimentos são a principal fonte de renda de sua família.

No entanto, entre mulheres e homens que trabalham e têm níveis mais elevados de educação. A diferença em relação à contribuição para a renda familiar é menor.

O relatório revela que, se uma mulher tem educação e experiência semelhantes à de um homem, mulheres e homens. São mais propensos a dizer que ela tem a mesma oportunidade de encontrar um bom trabalho na cidade ou área onde vive. Em todo o mundo, 25% das mulheres e 29% dos homens afirmam que as mulheres têm melhores oportunidades de encontrar bons trabalhos.

No Brasil, 35% das pessoas entrevistadas acham que as mulheres com experiências e qualificações educacionais. Semelhantes às dos homens têm a mesma oportunidade de encontrar um bom trabalho. Apesar disso, a proporção de brasileiros que acredita que as mulheres têm oportunidades piores em relação aos homens é maior (32%). Do que a proporção de brasileiros que enxerga oportunidades melhores para as mulheres (29%).

Alemanha e Turquia são únicos candidatos a receber Euro 2024

Os candidatos a sede terão agora que produzir um dossiê completo de candidatura até abril do próximo ano, e a escolha será feita pela Uefa em setembro

Por Redação, com Reuters – de Zurique:

Alemanha e Turquia foram os únicos países a apresentar candidatura para receber a Eurocopa de 2024, anunciou a Uefa nesta quarta-feira.

As federações de futebol dos dois países foram as únicas a entregar uma declaração de interesse dentro do prazo
As federações de futebol dos dois países foram as únicas a entregar uma declaração de interesse dentro do prazo

As federações de futebol dos dois países foram as únicas a entregar uma declaração de interesse dentro do prazo estabelecido de 3 de março. Disse a entidade responsável pelo futebol europeu em comunicado.

Dinamarca, Noruega, Suécia e Finlândia cogitaram uma candidatura conjunta. Mas não foram em frente com o projeto.

Os candidatos a sede terão agora que produzir um dossiê completo de candidatura até abril do próximo ano, e a escolha será feita pela Uefa em setembro.

A Turquia nunca sediou uma grande competição internacional de futebol. Enquanto a Alemanha Ocidental recebeu a Copa do Mundo de 1974 e a Eurocopa de 1988. Em 2006, a reunificada Alemanha realizou a Copa do Mundo.

A Turquia foi derrotada na disputa pela sede da Euro 2008 em uma candidatura conjunta com a Grécia e também para o torneio de 2012 em uma candidatura solo. O país também tinha o interesse de concorrer à Euro 2020, antes de a Uefa decidir dividir o campeonato por 13 cidades da Europa.

Eliminatórias da Copa

A Malásia pediu que uma partida das eliminatórias asiáticas para a Copa do Mundo de 2018 contra a Coreia do Norte seja transferida para um local neutro, já que as relações entre os dois países se deterioraram depois que o meio-irmão afastado do líder norte-coreano, Kim Jong Un, foi morto em território malaio.

O secretário-geral da Associação de Futebol da Malásia (FAM). Hamidin Mohd Amin, confirmou que solicitou à Confederação Asiática de Futebol (AFC). Para que a seleção não tenha que viajar à capital norte-coreana para a disputa deste mês. Depois de conversar com autoridades de seu país.

– O governo nos pediu para não ir a Pyongyang – disse Hamidin à agência inglesa de notícias Reuters nesta segunda-feira. “Perguntamos à AFC  hoje se podemos jogar em um local neutro. Esperamos uma decisão até o final desta semana”.

A AFC confirmou que “recebeu uma solicitação da Associação de Futebol da Malásia. Para que a classificatória da última rodada da Copa da Ásia AFC UAE 2019 contra a República Democrática da Coreia (nome oficial da Coreia do Norte). Marcada para 28 de março de 2017 em Pyongyang, seja disputada em um local neutro”. Afirmou a AFC à Reuters em um comunicado.

Um campo alternativo ainda tem que ser decidido.

Nações

As duas nações iriam inaugurar a fase final da etapa classificatória da Copa da Ásia de 2019. Em um jogo do Grupo B no Estádio Kim Il Sung. Mas Kim Jong Nam, meio-irmão exilado do líder norte-coreano, foi morto no Aeroporto Internacional de Kuala Lumpur em 13 de fevereiro. Autoridades da Coreia do Sul e dos Estados Unidos acreditam que o assassinato foi organizado por agentes a serviço da Coreia do Norte.

As relações diplomáticas entre as duas nações se tensionaram desde seu assassinato. No sábado o governo malaio deu 48 horas para que o embaixador norte-coreano, Kang Chol, deixe o país.

Produção da indústria desaba mais uma vez, constata IBGE

indústria

Em 12 meses, a produção da indústria recua 5,4%. Segundo o IBGE, o ritmo de queda tem se reduzido desde junho do ano passado, quando a taxa anualizada foi de -9,7%

 

Por Redação – do Rio de Janeiro

 

Com destaque para a queda de 10,7% no setor de veículos automotores, interrompendo dois meses de alta, a produção industrial brasileira variou -0,1% de dezembro para janeiro, segundo informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Dos 24 ramos pesquisados, 12 tiveram taxa negativa e 12, positiva. Na comparação com janeiro do ano passado, a atividade cresceu 1,4%, após 34 meses seguidos de retração.

Em 12 meses, a produção recua 5,4%. Segundo o IBGE, o ritmo de queda tem se reduzido desde junho do ano passado, quando a taxa anualizada foi de -9,7%.

Indústria
O desempenho da indústria no país volta a decepcionar, em meio à pior crise econômica da história brasileira

Ainda entre dezembro e janeiro, caíram atividades de segmento como equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos (-12,5%), máquinas e equipamentos (-4,9%), confecção de artigos do vestuário e acessórios (-7,0%) e produtos de borracha e de material plástico (-3,8%). Todas os segmentos haviam registrado taxa positiva em dezembro.

Indústria extrativa

Entre os que tiveram crescimento, estão coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis (4%), produtos farmoquímicos e farmacêuticos (21,6%), produtos alimentícios (1,2%), de bebidas (5,5%),  indústrias extrativas (1,1%)e metalurgia (1,8%).

Na comparação com janeiro de 2016 (com dois dias úteis a menos), o IBGE apurou resultado positivo nas quatro categorias econômicas, 16 dos 26 ramos, 47 dos 79 grupos e 52,8% dos 805 produtos pesquisados. Entre as atividades, a principal influência positiva veio de indústrias extrativas (12,5%), “impulsionada, em grande parte, pelos itens minérios de ferro, óleos brutos de petróleo e gás natural”.

Outras contribuições consideradas relevantes vieram de veículos automotores, reboques e carrocerias (5,2%), equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos (18%), celulose, papel e produtos de papel (6,9%) e produtos alimentícios (1,6%). Das 10 atividades que tiveram retração, a principal influência veio de coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis (-11,1%), “pressionada, em grande parte, pelo item óleo diesel”. O instituto destaca ainda quedas em máquinas, aparelhos e materiais elétricos (-8,6%), de máquinas e equipamentos (-4,9%), produtos de metal (-6,2%) e outros equipamentos de transporte (-9,4%).

Petróleo

Dados do IBGE mostraram que a categoria de Bens Intermediários apresentou alta de 0,7% na comparação mensal e 0,8% na anual. Os Bens de Consumo subiram 0,3 e 2,3%, respectivamente.

O grupo Bens de Capital, uma medida de investimento, mostrou contração de 4,1% em janeiro sobre dezembro. Mas subiu 3,3% na comparação com um ano antes.

O IBGE informou, ainda, que dos 24 ramos pesquisados, 12 apresentaram taxas negativas em janeiro na comparação mensal. Com destaque para o recuo de 10,7% em veículos automotores, reboques e carrocerias.

Na outra ponta, a produção de coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis avançou 4,0%. E a de produtos farmoquímicos e farmacêuticos teve alta de 21,6%.

— A indústria dá sinais de estabilização, talvez esteja parando de cair. Em momentos de transição, temos uma dinâmica (de resultados) mais heterogênea — avaliou o economista-sênior do banco Haitong Flávio Serrano. Ele destaca a recuperação na produção de petróleo em janeiro.

Crescimento

Depois de sofrer com a recessão e fraqueza da confiança, indicadores sobre o setor apontavam melhora este ano. Em fevereiro, a contração da indústria perdeu força segundo o Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês).

A confiança apurada pela Fundação Getulio Vargas (FGV) avançou com força em janeiro. Voltou a cair no mês seguinte, porém num movimento de acomodação. A FGV não descarta nova melhora, diante de sinais mais favoráveis da economia como a queda dos juros.

— Olhando à frente, esperamos que o setor industrial comece a se beneficiar gradativamente da estabilização da economia. Dos juros mais baixos e da reversão do ciclo de estoques — disse o diretor do Goldman Sachs, Alberto Ramos.

Os economistas consultados na pesquisa Focus do Banco Central também apontam melhora neste ano. Fazem uma projeção de crescimento de 1,09% da produção industrial, chegando a 2,19% em 2018.