Hamilton diz não ter nenhum problema com Bottas

Na sexta-feira, Hamilton disse em uma transmissão ao vivo do Facebook Live com o patrocinador UBS que os pilotos deveriam fazer sua própria “lição de casa”

Por Redação, com Reuters – de Londres:

O tricampeão mundial de Fórmula 1 Lewis Hamilton esclareceu os comentários de que não quer compartilhar dados com colegas de equipe e disse ter “problema zero” com o novo piloto da Mercedes, Valtteri Bottas.

Piloto britânico Lewis Hamilton durante Grande Prêmio de Abu Dhabi
Piloto britânico Lewis Hamilton durante Grande Prêmio de Abu Dhabi

Na sexta-feira, Hamilton disse em uma transmissão ao vivo do Facebook Live com o patrocinador UBS que os pilotos deveriam fazer sua própria “lição de casa”. Em vez de poderem copiar o traçado e os pontos de frenagem de um companheiro de equipe.

– Eu vou, faço minhas voltas, faço toda a minha lição de casa e o outro cara vê tudo – disse o britânico.

– Quando estamos pilotando marcamos pontos de frenagem, solavancos. Marcas de pneu na pista, todas essas coisas diferentes que te ajudam a fazer a curva mais rápido. Mas por causa destes dados (compartilhados) eles (colegas de equipe) podem simplesmente te copiar.

– Eles deveriam ser capazes de ir sozinhos e descobrir isso tudo por conta própria, sem você – acrescentou.

Os comentários de Hamilton foram interpretados por alguns como críticas suas à Mercedes. Por insistir na partilha de dados entre companheiros de escuderia, mas ele foi ao Twitter nesta segunda-feira para enfatizar que não é esse o caso.

Equipe

– Quero esclarecer que não ataquei minha equipe em absoluto. Minha visão sobre o compartilhamento de dados é somente meu sentimento a respeito do esporte em geral – disse o piloto de 32 anos. Que estreou na McLaren em 2007 ao lado do bicampeão Fernando Alonso.

– Isto é o que sinto desde o dia em que comecei na F1 e continua sendo 10 anos depois. Existe problema zero na minha equipe. Problema zero com Bottas.

Hamilton é o favorito à conquista de um quarto título nesta temporada depois de perder no ano passado para seu então colega de Mercedes, Nico Rosberg, que em seguida se aposentou.

O alemão, seu rival desde a adolescência em competições de kart. Venceu 9 corridas, menos que as 10 de Hamilton, mas teve um rendimento melhor.

Hamilton conquistou o título ao derrotar Rosberg nas duas campanhas anteriores.